Once there was a little blond girl running on the hallways of my home

My parents always wanted to have a little girl. They tried, tried, and tried. They ended up with eight boys before the dream of having a girl would come to pass.
When my parents’ first child was born, my dad thought it was a girl but my brother Victor Hugo happened. My parents were happy to have him and they thought the next child could be a girl but the next seven children were all boys.
After Jose the eighth brother was born, my parents decided to stop having children. They thought the girl would never come.
When my mom was 38 years old, she dreamed she was going to have a little girl. A week after that, she found out she was pregnant. They were not planning another baby but Heavenly Father decided to deliver a special present for them.
In those days in Brazil ultrasound was not something anyone could do. Most of the moms would find out the sex the day they were having the baby.
When mom was seven months pregnant, she had another dream. She dreamed of a blond little girl running around the hallways of her house. It was the second time she had the dream of having a little girl. The dreams were an assurance she was expecting a little girl; the little girl my whole family was hoping for for so many years.
On the day of the delivery my dad took my mom to the hospital and went home. The fathers were not allowed in the delivery room back then. They would find out the sex of the baby the next day when the baby was already born. He decided to go back home and take a nap until the time for the hospital visits arrived. He had a dream. His first one but the third one assuring my parents that this time it was going to be a little girl. In the dream a man came to him and said he had a little girl and her name was Claudia.
He woke up and he rushed to the Hospital to find a little girl in the arms of my mom. It was my sister Claudia. The little girl they hoped for. It was one of the happiest days of their lives; a moment they would cherish for the rest of their lives.
Sometimes life is not full of flowers and smiles but also suffering and tears. My brother Davi who was the fourth child of the family was sick for quite awhile. He just returned from the hospital. The doctors could not figure out his problem. The day Claudia was brought home, everyone was so excited. Davi got to hold her. He told my mom: “My sister’s arm is thicker than mine”. Davi was really skinny, he had lost lots of weight. After that he went to the bedroom and from there to the Hospital. A week later Davi passed away from a brain tumor. My mom’s heart was rejoicing because her dream girl was born but her heart was also hurting because one of her boys was taken away.
The pain of losing a child is horrifying but God knew my mom needed this little girl to bring peace to her heart.
Claudia was a cute little girl growing up. She had blond hair when she was born. She was active and smart.
A funny story about Claudia growing up was, when she learned how to walk with a chicken. My mom was saying that she was amazed with this chicken and she wanted to go after it. It didn’t take too long for Claudia to stand up and try to catch the chicken.
Claudia has always had this amazing spirit that had touched everyone. She is very strong and she always knew what she wanted in life. She has been my inspiration. She is a great example for me. She is the one who introduced me to my husband. She was the one who made me come to the U.S. to go to school even though I did not want to come. She is the one who fasted and prayed so I could be touched by the Holy Ghost and be baptized in the Church of Jesus Christ of Latter Day Saints. She was a mom to me when my mom was away. She cooks like my mom too. When I was pregnant with my first child I was craving chicken stew from Brazil. I was missing my mom’s chicken stew, so I asked Claudia to make some and she made some just like my mom’s.
I can spend hours telling you why I love my sis. One of my mom’s friends told my mom when she was pregnant with me: It is a girl so she can be a companion to your other girl.
She was so right. Anytime I need anything I call Claudia and vice versa.
The love and friendship we have for each other has been there since we were with our Heavenly Father. Heavenly Father knew we would need each other to overcome our trials on this earth. We were brought here in this time so we could help each other find the Gospel of Jesus Christ. Claudia is not only my sister but my best friend. She is that little blond girl who once was running in the hallways of my parent’s house.

 

Era uma vez uma menina de cabelos loiros correndo pelos corredores da minha casa

Meus pais sempre quis ter uma menina. Eles tentaram, tentaram e tentaram. Eles acabaram com oito meninos antes que o sonho de ter uma menina aconteceria.
Quando o primogenito nasceu, meu pai achou que era uma menina, mas era meu irmão Victor Hugo. Meus pais ficaram felizes em tê-lo e eles pensaram que o próximo filho poderia ser uma menina, mas os próximos sete crianças foram todos meninos.
Após o oitavo irmão nasceu, o Jose, meus pais decidiram parar de ter filhos. Eles pensaram que a menina nunca viria.
Quando minha mãe tinha 38 anos, ela sonhou que ia ter uma menina. Uma semana depois, ela descobriu que estava grávida. Eles não estavam planejando outro bebê, mas Pai Celestial decidiu entregar um presente especial para eles.
Naquela epoca no Brasil, ultra-som não era algo que qualquer um poderia fazer. A maioria das mães so descobria o sexo no dia que ela tinha o bebê.
Quando minha mãe estava grávida de sete meses, ela teve outro sonho. Ela sonhou com uma menina loira correndo pelos corredores de sua casa. Foi a segunda vez que ela tinha o sonho de ter uma menina. Os sonhos eram uma garantia de que ela estava esperando uma menina, a menina que toda a minha família estava esperando por tantos anos.
No dia do parto meu pai levou minha mãe ao hospital e foi para casa. Os pais não eram permitidos na sala de parto naquela época. Eles iriam descobrir o sexo do bebê no dia seguinte, quando o bebê já tinha nascido. Ele decidiu voltar para casa e tirar um cochilo até a hora da visita no hospital chega-se. Ele teve um sonho. Seu primeiro, mas o terceiro assegurando meus pais que desta vez ia ser uma menina. No sonho, um homem veio até ele e disse que ele teve uma menina e seu nome era Claudia.
Ele acordou e correu para o Hospital e deu de cara com uma menina nos braços de minha mãe. Foi a minha irmã Claudia. A menina que tanto esperavam. Foi um dos dias mais felizes de suas vidas, um momento especial para reelembrar para o resto de suas vidas.
Às vezes a vida não e so flores e sorrisos, mas também sofrimento e lágrimas. Davi meu irmão que era o quarto filho da família estava doente há algum tempo. Ele tinha acabado de voltar do hospital. Os médicos não conseguiam descobrir o seu problema. No dia que a Claudia foi tradizada para casa, todo mundo estava tão animado. Davi chegou a segurá-la. Ele disse à minha mãe: “o braço da minha irmã é mais grosso do que o meu”. Davi estava muito magro, tinha perdido muito peso. Depois ele foi para o quarto e de lá para o Hospital. Uma semana depois, Davi morreu de um tumor cerebral. Coração da minha mãe estava tao feliz porque seu sonho de ter uma menina tinha sido realizado, mas seu coração estava triste também porque um de seus filhos foi tirado dela.
A dor de perder um filho é terrível, mas Deus sabia que minha mãe precisava dessa menina para trazer paz ao seu coração.
Claudia era uma menina bonitinha crescendo. Ela tinha cabelos loiros, quando ela nasceu. Ela era bem ativa e inteligente.
Uma história engraçada sobre Claudia quando bebe, ela aprendeu a andar com uma galinha. Minha mãe dizia que ela estava intrigada com esta galinha e ela queria ir atrás dela. Não demorou muito tempo para Claudia se levantar e tentar pegar a galinha.
Claudia sempre teve esse espírito maravilhoso que toca a todos. Ela é muito forte e ela sempre sabia o que queria na vida. Ela tem sido minha inspiração. Ela é um grande exemplo para mim. Ela que me apresentou ao meu marido. Ela foi quem me fez vir para os EUA para ir para faculdade mesmo que eu não queria vir. Ela jejuou e orou para que eu pudesse ser tocado pelo Espírito Santo e ser batizado na Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Ela era uma mãe para mim quando minha mãe estava longe. Ela cozinha como a minha mãe também. Quando eu estava grávida da minha primeira filha eu estava com vontade de comer frango cozido da minha mae. Eu estava sentindo falta do frango cozido da minha mae, então eu pedi para a Claudia fazer para mim e ela fez igualzinho a minha mae.
Eu posso passar horas dizendo porque eu amo minha irmã. Uma das amigas da minha mãe disse à minha mãe quando ela estava grávida de mim: “É uma menina para que ela possa ser um companheiro à sua outra menina.”
Ela estava tão certa. Sempre que eu preciso de alguma coisa eu chamo a Claudia e vice-versa.
O amor e a amizade que temos uma pela outra tem vem desde quando estavamos com nosso Pai Celestial. Pai Celestial sabia que precisaríamos uma da outra para superar nossas provações nesta terra. Nós fomos trazidas aqui neste momento para que pudéssemos ajudar uma a outra a encontrar o Evangelho de Jesus Cristo. Claudia não é apenas a minha irmã, mas minha melhor amiga. Ela é aquela menina loira que corria nos corredores da casa do meu pai.

Image

Advertisements

One more white dress!

Image

As a LDS girl, there are three special moments in life, you will wear white; when you are blessed as a baby, in your baptism, and your wedding.

My little girl just got baptized in the Church of Jesus Christ of Latter Day Saints. She made to the second dress. This special moment brings the knowledge that she will follow Jesus Christ, obey his commandments and as a gift from Him, she will have the Holy Ghost to help her do what is right.

This special occasion brought tears into my heart, it made think about all dresses I wore since I became a member of the church.

The first one I wore, I was 15 years old. It was when I decided to become a member of the Church of Jesus Christ of Latter Day Saints. It was such a special occasion that would change my life completely.

The second one, it was when I got married to my eternal companion. It was my favorite dress until I had my first child, than all the white dresses come back to me again. This time I would add the baby blessing white dress that I hadn’t had when I was a baby.

When I saw Kay Kay in white on Saturday, I realized how many white dresses we have used in our family since I had my last one.

The dresses that made me who I am and help me continue in the path. I pray that my children will want to wear their last dress. The one that will take them to many other white dresses.

Mais um vestido branco!

Como uma moca SUD, há três momentos especiais na vida que você vai vestir branco, quando você é abençoado como um bebê, em seu batismo, e seu casamento.

Minha menina foi batizado na Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Ela vestiu o segundo vestido. Este momento especial traz o conhecimento que ela vai seguir a Jesus Cristo, obedecer aos seus mandamentos e, como um dom de Deus, ela vai ter o Espírito Santo para ajudá-la a fazer o que é certo.

Esta ocasião especial trouxe lágrimas em meu coração, que fez pensar sobre todos os vestidos que usei desde que me tornei um membro da igreja.

O primeiro que eu usei, eu tinha 15 anos de idade. Foi quando decidi me tornar um membro da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Foi uma ocasião tão especial que mudou minha vida completamente.

A segunda, foi quando eu me casei com meu companheiro eterno. Foi o meu vestido favorito até que eu tive meu primeiro filho, e com isso trouxe todos os vestidos brancos de volta. Desta vez eu gostaria de acrescentar o vestido branco da bênção do bebê que eu não tive quando eu era um bebê.

Quando eu vi Kay Kay em branco no sábado, percebi quantos vestidos brancos que usamos em nossa família desde que eu usei o meu ultimo vestido branco.

Os vestidos que me fez quem eu sou e me ajude a continuar no caminho. Oro para que minhas filhas queiram usar o seus ultimos vestidos. O que vai levá-los a muitos outros vestidos brancos.

Image